segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Maria Bethânia: cruzadas do sentimento


Para fazer suposições do que se pode mais sentido e vai e volta além das vãs explicações. Este texto que é o todo dela é o que me fascina. Este sangramento em palavras gestos sons que formam a alma de um país. Alimenta nosso caminhar inclinado ao criativo. Coisas do espelhamento do que se faz mais popular, ágil em simplicidade de conteúdo na forma da vivaz inventividade. Texto -mulher ocupando os seus vazios e os nossos numa espécie de oferta de sonhos e possibilidades desenhadas em encantamentos. Em encanteria lítero-musical. Alguém que se sabe diva e segue nesse contexto: altiva em prol de sua comunicação artística traduzindo a cultura diversa de seu povo, de sua nação. Musa da palavra bendita que diz construções e nos inspira, nos melhora em nossas audições dela e nos consola deste cotidiano doído e doido dos tempos urbanos atuais.

Um comentário:

Felipe disse...

Maria Bethânia sempre será a maior diva da MPB!Particularmente ela é a minha cantora favorita e sempre que posso acompanho o trabalho dessa cantora digníssima!Sua voz sai da alma e ela consegue nos passar através da música popular,toda a sua força e generosidade!