sábado, 14 de março de 2009

Maria - espécie de semente


Eu sei que essa semente que me chega se transforma em uma espécie de culto em mim. Chega-me acrescendo de beleza esses dias cotidianos, confusos, desencontrados e, às vezes, imundos. Mas ela está lá em sua insuperável presença de força e arte. Presença de mulher que encanta na voz insólita que traz noites solares e alivia-nos desta vida tão presa a obviedades e aquele canto brota na forma das mãos que ensinam no corpo delgado que baila e da boca pronúncias sagradas que eu imagino sobre-naturais.
Seu nome Maria é o início da poesia que não tiro de mim. Meus olhos seguram-na cantando em sua cena de transmutação. As contas consagram nossa Fé. As vestes reluzem o incomum palco que ela quer. E o palco sobre seus pés é a expectativa de uma união humana coletiva que sempre dá certo.
Uma fêmea de muitos trajetos que abarca a realização em si. Mulher da mítica vontade que criou
a ilha de Lesbos. Mulher do límpido ofício de cantar e assim gerar lugares que descartem na gente a ideia do perverso. Mulher que se desfia em artisticidades.
Paisagem do grave canto profundo: amar é o melhor remédio. E ela em seu desmando de nos fazer apaixonar. Canta como oração. Dança vitoriosa sobre o mundo. Instaura -nos a vontade de sempre sonhar. Semente que vinga de composições realçadas em sua voz maioral. Música feita pela melhor atriz. Mulher da esfíngica sedução. Quando ela chega, no palco, em nenhum reduto de humanos, ninguém consegue se fazer mais bonito. O mito em carne e osso descrito nas memórias de um Orixá. Ela, a fêmea que é vento fogo e ar. Narra o Orixá que comanda a vida dela. E canta. Lindamente canta. E por instantes serenos de música e poesia: Maria, hoje, melhor que você, nenhum espetáculo musical existiria.

2 comentários:

RSO disse...

Nenhum espetáculo existe
sem tal Maria

nossa senhora de todos os cantos
nossa senhora da tua melhor palavra
dedica à mulher que me gera
também
inspiração

com respiração leve,
leve-me o abraço
bem apertadinho
como estão as palavras seguintes:
amoresossego

sob-minha-pele disse...

Não dá nem para respirar quando olho para ela...